Menu Principal

fecha o menu
Experiências exitosas de farmacêuticos no SUS

Notícias do CFF

CFF na luta pela valorização das análises clínicas

Data: 26/03/2013

Integrantes de Grupo de Trabalho sobre Análises Clínicas do Conselho Federal de Farmácia (GTAC/CFF) se reuniram, hoje, dia 26 de março, com o Senador Waldemir Moka (PMDB/MS). Em pauta, a discrepância entre os custos e os valores repassados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para cobrir serviços prestados por laboratórios de análises clínicas. Além dos integrantes da GTAC/CFF, Mário Martinelli Júnior, Lenira da Silva Costa, Jerolino Lopes de Aquino e Luiz Arno Lauer, o Presidente da Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar), Ronald Ferreira, também participou da reunião.

Diante da posição do Ministério da Saúde de não reajustar, linearmente, os valores, apresentada no dia 19 de março, em audiência pública, o Senador e presidente da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), Waldemir Moka, assumiu o compromisso de, com os integrantes da comissão, fazer a intermediação entre laboratórios, hospitais filantrópicos e o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Hoje, durante a reunião com GTAC/CFF, Moka afirmou que já esteve com o Ministro Alexandre Padilha, que o Ministério da Saúde está sensibilizado com o tema e que já existe um trabalho sendo desenvolvido para avaliar o reajuste da tabela do SUS. “A Comissão de Assuntos Sociais do Senado tem debatido a necessidade de a União investir 10% do PIB no setor. Insisto, sem novas fontes de recursos, sem dinheiro novo, teremos, diariamente, notícias sobre caos na saúde. Uma comissão especial já trabalha no Senado para apresentar sugestões sobre o financiamento público do setor”, afirmou Moka.

O GTAC também esteve com a Senadora Ana Amélia (PP/RS). Ela considera irrisória a concessão de reajuste de até 400% no valor de alguns itens da tabela SUS – uma das propostas apresentadas, pelo Ministério da Saúde, na audiência pública - uma vez que alguns procedimentos ficaram quase 20 anos sem revisão. (Vídeo – Senadora Ana Amélia defende reajuste da tabela do SUS para exames laboratoriais).

O Coordenador do GTAC e Conselheiro Federal de Farmácia pela Bahia, Mario Martinelli, explica que o momento é de união em favor das análises clínicas. “O Conselho Federal de Farmácia (CFF), a Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (Sbac) e a Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar) estão juntas na luta pela valorização que os laboratórios merecem”, disse.

Para o Presidente do CFF, Walter Jorge João, é momento dos farmacêuticos mostrarem sua força e participarem, efetivamente, do movimento Saúde +10. “O Projeto de Lei de Complementar 141/12, que prevê o repasse de 10% das receitas correntes brutas da União para a Saúde Pública Brasileira, o SUS, precisa do apoio de TODA população para que seja apreciado no Congresso Nacional, em 2013. Para que o Projeto chegue às mãos dos parlamentares são necessárias 1,5 milhão de assinaturas. É importante a mobilização da população para que seus representantes, no Senado, tenham o olhar voltado para a população que tanto necessita do SUS. Com o financiamento garantido, os valores pagos aos laboratórios terão seu reajuste garantido e melhores serviços serão prestados”, completou o Presidente do CFF.

Formulário de coleta de assinaturas
Clique aqui e conheça mais detalhes sobre o Movimento Saúde + 10
 

 

Fonte: CFF
Autor: Veruska Narikawa

Fotos Relacionadas

Vídeos















Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber notícias direto no seu e-mail



Copyright © 2008 Conselho Federal de Farmácia - CFF. Todos os direitos reservados.

SHIS QI 15 Lote L - Lago Sul / Brasília - DF - Brasil - CEP: 71635-615

Localização

Fone: (61) 3878-8700