Menu Principal

fecha o menu
Experiências exitosas de farmacêuticos no SUS

Dengue, chikungunya e zika

Cientistas ligam proteína do cérebro, vírus da zika e microcefalia

Data: 02/06/2017

Um novo estudo liderado por cientistas britânicos revela que o vírus da zika sequestra uma proteína humana chamada Musashi1 (MSI1) para permitir que ele se replique nas células tronco neurais, matando-as. De acordo com o artigo, publicado ontem na revista Science, quase todas as proteínas MSI1 nos embriões humanos em desenvolvimento são produzidas nas células tronco neurais, que têm o papel de formar o cérebro do bebê. Isso poderia explicar por que as células dessa estrutura em desenvolvimento são tão vulneráveis à zika.

O estudo foi financiado pela organização internacional de pesquisa Wellcome Trust e liderado por cientistas da Universidade de Cambridge (Reino Unido), com participação de pesquisadores das universidades britânicas de Leeds e de Newcastle e da Universidade Radboud (Holanda). Segundo os autores, a associação entre a zika e a microcefalia já estava estabelecida.

“Mas este é o primeiro estudo a mostrar uma ligação clara entre uma proteína específica, o vírus da zika e a microcefalia”, disse o diretor de Infecção e Imunobiologia do Wellcome Trust, Mike Turner.

“Essa descoberta realmente ajuda a explicar porque as célulastronco neurais são tão vulneráveis à infecção por zika. Espero que seja o primeiro passo para determinar como podemos deter essa interação e a doença. Também será interessante investigar se essa proteína está envolvida com outros vírus, como o da rubéola”, diz ele.

Fonte: O Estado de S.Paulo
Autor: Fábio de Castro

Fotos Relacionadas

Vídeos















Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber notícias direto no seu e-mail



Copyright © 2008 Conselho Federal de Farmácia - CFF. Todos os direitos reservados.

SHIS QI 15 Lote L - Lago Sul / Brasília - DF - Brasil - CEP: 71635-615

Localização

Fone: (61) 3878-8700