Menu Principal

fecha o menu
Experiências exitosas de farmacêuticos no SUS

Notícias do CFF

CFF participa de reunião na ANS sobre projeto de cuidado ao idoso

Data: 14/12/2016

Na tarde do dia 6 de dezembro, representantes do Conselho Federal de Farmácia (CFF) estiveram na sede da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), no Rio de Janeiro (RJ) para apresentar e entregar parecer sobre o projeto “Idosos na Saúde Suplementar: uma urgência para a saúde da sociedade e para a sustentabilidade do setor - Idoso Bem Cuidado” (para ler, clique aqui). O documento foi lançado em maio pela agência. No parecer, o conselho sintetizou dados que apontam para a necessidade de alteração do modelo de cuidado à saúde do idoso proposto, sobretudo para a população idosa crescente.

O objetivo da audiência, segundo Lenira da Silva Costa, conselheira federal de Farmácia pelo Rio Grande do Norte, foi apresentar as diferentes possibilidades de serviços farmacêuticos direcionados aos idosos e reivindicar uma maior participação do farmacêutico no processo de cuidado dos usuários de planos de saúde, e nos grupos de trabalho da ANS.

“A fragilização desse público, relacionada ao próprio processo de envelhecimento, bem como à maior prevalência de doenças crônicas não transmissíveis e à utilização simultânea de vários medicamentos, torna o cuidado ao idoso complexo e demanda atenção multidisciplinar”, comenta o professor Tarcisio Palhano, assessor da Presidência do CFF, um dos integrantes da comitiva recebida pela ANS.

Assim que tomou conhecimento da iniciativa da ANS, a Diretoria do CFF determinou a constituição de um grupo de trabalho (GT) para avaliar o plano e propor alternativas. Durante a audiência, o documento elaborado pelo GT foi entregue à diretora de Desenvolvimento Setorial da agência, Martha Regina de Oliveira, que se mostrou muito receptiva à proposta. “Ela nos convidou a integrar o grupo de 200 representantes de diversas entidades nacionais, que está acompanhando a implantação do projeto piloto, e a elaborar uma proposta de fluxo para a consulta farmacêutica dentro do modelo definido para o projeto piloto”, comenta Josélia Frade, assessora da Presidência do CFF, também presente à reunião.

Embora em sua publicação a ANS afirme a importância do trabalho em equipe como eixo norteador nas linhas de cuidado ao idoso, o Conselho Federal de Farmácia (CFF) fez algumas ponderações sobre a publicação, especialmente por considerar que existe uma estreita ligação entre os cuidados em saúde e a utilização de medicamentos por esse público. “Tal constatação, por si só, justificaria a inclusão do farmacêutico nos diferentes níveis de atenção ao paciente idoso, na perspectiva de colaborar para o processo de construção de um modelo de cuidados à saúde do idoso, efetivamente inovador, exequível e eficiente”, observa o presidente do CFF, Walter da Silva Jorge João.

O presidente do CFF reitera, ainda, que considera muito positivos os encaminhamentos da reunião. “Houve abertura ao diálogo na medida em que apresentamos argumentação técnica, baseada em evidências científicas, e relatos de experiências exitosas implantadas no Brasil sobre o papel do farmacêutico no modelo de assistência proposto nesse projeto piloto”, observou. Na oportunidade, os representantes do CFF ainda relataram as ações desenvolvidas pelo CFF nos últimos anos com vistas ao avanço da Farmácia Clínica no Brasil.

Além dos assessores da Presidência/CFF, também participou da reunião a assessora de Informação na Agência Nacional de Saúde Suplementar, Vanessa Carvalho. O documento entregue à agência foi elaborado pelos farmacêuticos Daniel Tenório da Silva, Josélia Cintya Quintão Pena Frade, Marianne Sardenberg Costa, Mirna Poliana Furtado de Oliveira e Wálleri Christini Torelli Rei. A revisão coube aos também farmacêuticos Daniel Correia Júnior, Maely Peçanha Fávero Sobreira da Silva e Tarcísio José Palhano.

Exames laboratoriais – Durante a visita à ANS, outro tema discutido em defesa dos interesses da Farmácia foi o fator de qualidade a ser aplicado ao índice de reajuste definido pela agência para serviços prestados por profissionais da saúde, laboratórios, clínicas e demais estabelecimentos conveniados não hospitalares. Quem tratou do assunto foi Lenira da Costa e Silva, que também integra o Grupo de Trabalho sobre Análises Clínicas do CFF. Ela foi recebida pela Gerente Executiva de Estímulo a Inovação e Avaliação da Qualidade Setorial, Ana Paula Silva Cavalcante.

 

Fonte: Comunicação do CFF

Fotos Relacionadas

Vídeos















Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber notícias direto no seu e-mail



Copyright © 2008 Conselho Federal de Farmácia - CFF. Todos os direitos reservados.

SHIS QI 15 Lote L - Lago Sul / Brasília - DF - Brasil - CEP: 71635-615

Localização

Fone: (61) 3878-8700