Menu Principal

fecha o menu
Experiências exitosas de farmacêuticos no SUS

Dengue, chikungunya e zika

UNIARP realizará dia D de combate ao Aedes aegypti

Data: 16/03/2016

A Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (UNIARP), através dos cursos de Farmácia e Ciências Biológicas realiza dia 19 de março uma grande ação de mobilização com o objetivo de informar e também eliminar possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti, que transmite os vírus da dengue, da febre chikungunya e da zika.

A ação envolverá acadêmicos, professores e colaboradores das 9h às 12 horas. A concentração será na área de convivência da Universidade com repasse de informações e demonstrações de como fazer iscas para capturar o mosquito transmissor. No local também estarão expostos exemplares do mosquito para melhor reconhecimento.

A ação envolverá toda a comunidade acadêmica e também será aberta para toda a população, inclusive escolas, em Caçador (SC). A ação conta ainda com apoio da Prefeitura através da Vigilância Epidemiológica. Uma força tarefa irá vasculhar toda a extensão da Universidade em busca de possíveis criadouros do mosquito.

A professora Talize Foppa, coordenadora do curso de Farmácia destaca que é preciso reforçar a atenção da sociedade, para o combate ao Aedes aegypti e assegurar que todos estejam informados e engajados de forma permanente em ações para eliminação dos criadouros do mosquito.

Saiba mais

O Aedes Agypti causador da dengue, zika e chikungunya, é muito parecido com o pernilongo, mas possui características especificas que o difere de qualquer outro mosquito. Além das suas listras brancas e pretas, o mosquito tem alguns hábitos que ajudam identificá-lo.

. O mosquito da dengue, além de silencioso:

. Costuma picar durante o dia, especialmente nas primeiras horas da manhã ou fim da tarde;

. Pica, principalmente, nas pernas, tornozelos ou pés e a sua picada, geralmente, não dói nem coça;

. Tem voo rasteiro, com no máximo 1 metro de distância do solo.

??Além disso, o Aedes é mais comum no verão, sendo recomendado utilizar repelentes, usar inseticida na casa ou colocar redes nas portas e janelas. Uma forma natural de afastar o mosquito é acender velas de citronela dentro de casa.

Fonte: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe (UNIARP)

Fotos Relacionadas

Vídeos















Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber notícias direto no seu e-mail



Copyright © 2008 Conselho Federal de Farmácia - CFF. Todos os direitos reservados.

SHIS QI 15 Lote L - Lago Sul / Brasília - DF - Brasil - CEP: 71635-615

Localização

Fone: (61) 3878-8700