Menu Principal

fecha o menu
Experiências exitosas de farmacêuticos no SUS

Notícias do CFF

ATO MÉDICO - A luta, agora, é no Senado

Data: 22/10/2009

Aprovado, ontem (21.10.09), o PL 7703/06 (Projeto do Ato Médico) pela Câmara dos Deputados. O próximo passo será o Senado Federal. Ali, a matéria será votada, com as emendas apresentadas, na Câmara - ou a se apresentar -, ou, ainda, o texto aprovado pelo Senado, de onde é oriundo.

Em nada o Projeto prejudica a profissão farmacêutica, pois os exames e laudos citopatológicos estão assegurados para o farmacêutico citologista. Somente o que nos preocupa é o termo jurídico “diagnóstico citopatológico privativo do médico”, criado no artigo 4º, inciso VIII.

Estaremos, no Senado, lutando para a retirada deste termo, que não existe em nenhuma literatura, e que poderá, quem sabe, gerar embates judiciais, se o Conselho Federal de Medicina editar resolução que proíba o médico clínico de aceitar os laudos citológicos assinados por farmacêuticos-bioquímicos e biomédicos, com a alegação de serem diagnósticos, os quais são privativo dos médicos.

Até aqui, da profissão farmacêutica, o Conselho Federal de Farmácia e a Sociedade de Citologia Clínica estiveram sozinhos, neste embate. Mas faço, aqui, o meu apelo veemente: é necessário que todos nos unamos, no Senado Federal.

Jaldo de Souza Santos,
Presidente do Conselho Federal de Farmácia.

 

Fonte: CFF
Autor: CFF

Fotos Relacionadas

Vídeos















Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber notícias direto no seu e-mail



Copyright © 2008 Conselho Federal de Farmácia - CFF. Todos os direitos reservados.

SHIS QI 15 Lote L - Lago Sul / Brasília - DF - Brasil - CEP: 71635-615

Localização

Fone: (61) 3878-8700