Menu Principal

fecha o menu
Experiências exitosas de farmacêuticos no SUS

Notícias Gerais

Campanha de prevenção à Aids cria rusga entre ministério e Tinder

Data: 12/02/2015

Na última segunda (9), o Ministério da Saúde divulgou uma iniciativa de prevenção à Aids em que foram criados perfis falsos no Tinder para entrar em contato com a população.

Disfarçados de pessoas normais, os perfis iniciavam a conversa dizendo: "E aí, curte sexo sem camisinha?". Após a resposta do usuário, era divulgada uma mensagem oficial de conscientização: "Olha, é difícil saber quem tem HIV. Se divirta, mas se proteja. Essa é uma ação do Ministério da Saúde".

Nessa terça (10), o Tinder disse que os "fakes" seriam desativados por violarem os termos de serviço do aplicativo.

"Vocês não estão autorizados a fazer anúncios por meio do Tinder", tuitou Rosette Pambakian, executiva de comunicação corporativa da empresa, com menção à conta do ministério no microblog.

No entanto, segundo a pasta, os perfis já foram desativados há dias. A campanha foi realizada em Brasília, Rio de Janeiro e Salvador entre os dias 23 de janeiro e 1º de fevereiro.

À Folha, o ministério afirma que verificou os termos de uso do aplicativo antes de criar o projeto. "Os termos de uso do Tinder só falam de uso comercial, e a nossa campanha foi uma iniciativa de utilidade pública", justificou-se o órgão do governo.

Além do Tinder, a campanha foi realizada também no aplicativo Hornet, ferramenta de paquera voltada para o público gay masculino. De acordo com o ministério, a iniciativa atingiu mais de 2.000 usuários.

Fonte: Folha de S.Paulo / Site

Fotos Relacionadas

Vídeos















Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber notícias direto no seu e-mail



Copyright © 2008 Conselho Federal de Farmácia - CFF. Todos os direitos reservados.

SHIS QI 15 Lote L - Lago Sul / Brasília - DF - Brasil - CEP: 71635-615

Localização

Fone: (61) 3878-8700